O mergulho da rede para a bóia!

3 Set

Nova Tecnologia, oh querida Tecnologia, já quase não se vive sem ti, enraizaste-te no nosso quotidiano de tal maneira que já fazes realmente parte do programa dos nossos dias. Verdade ou mentira? Creio que para a grande maioria é à mais pura das verdades. Já todos sabemos o quanto o mundo tecnológico é capaz de nos surpreender, todos dias há novas ideias a nascer e como tal novos produtos a sair. Mas afinal com que podemos contar num futuro próximo?

A água ao contrário do que se costuma dizer é bem “amiga” da electricidade. Mas como é possível?


A água é um dos maiores refrigeradores de equipamentos que aquecem muito mas as complicações surgem dado ao facto que a água ser também um bom condutor de electricidade, porque no fundo no fundo a questão não é a electricidade, mas sim os componentes que necessitam de uma voltagem controlada assim como uma forma especifica de receber essa mesmas voltagem, sendo assim concluímos que são os chips de circuitos integrados que estragam. Actualmente existem imensas formas de tornar essa parceria “água – electricidade” mais simples, segura e mais frequente. A necessidade de expor aparelhos electrónicos a ambientes húmidos que sempre limitou uma serie de trabalhos visto que por norma tratam-se de aparelhos de custo elevado e o risco de o perder era simplesmente demasiado alto, felizmente são entraves que ao longo do tempo têm vindo a reduzir drasticamente.

A implementação das caixas isoladoras é um sucesso neste tipo de casos, concebidas e montadas meticulosamente de modo a assegurar que o seu equipamento seja realmente a prova de água. Hoje vemos essa mesma implementação em câmaras, relógios entre outros, mas nunca antes (pelo menos que tenha conhecimento, corrijam-me se estiver enganado) em portáteis, a japonesa Panasonic que nem é a marca japonesa mais conhecida no ramo da informática é a primeira a trazer um portátil impermeável, super resistente que promete adicionar a praia, o rio, a piscina, aos locais onde podemos fazer uso do nosso portátil sem comprometer a sua integridade.

Veja este vídeo que demonstra as capacidades deste poderoso portátil.

http://www.youtube.com/v/cm00W4eWuj8?fs=1&hl=pt_PT&color1=0x234900&color2=0x4e9e00

Com que características pode contar?

Segundo os dados contidos na memória cache do Google relativamente ao site da Panasonic o equipamento resiste quedas até 1.20metros de altura, pressão de 120kilograma e vibrações intensas de litros de água, como devem ter observado no vídeo escolhido por nós, o equipamento não sofre qualquer dano e continua a trabalhar correctamente.

Quanto as características de hardware pressupõe-se o lançamento de dois modelos sendo um de 19 polegadas e outro de 13.1. Ambos iram possuir processadores (diz a Panasonic) poderosos “ainda não especificados” Estes ainda terão capacidade de suportar até 6 GB de memória RAM, contudo prevê-se que tragam apenas 2 GB de origem, quanto ao disco rígido prevê-se que seja de 160GB. Traz ainda um sistema de cartões 3G com uma ampliação de sinal de modo a prevenir a perca de sinal em locais de difícil acesso

Infelizmente como a grande maioria das tecnologias surgem com um tamanho enorme. E você como e onde usaria um equipamento deste gabarito?

7 Respostas to “O mergulho da rede para a bóia!”

  1. Ana Setembro 3, 2010 às 11:51 am #

    É uma verdade,que,cada vez mais, no nosso dia a dia, raramente passamos sem um qualquer aparelho tecnológico… e os avanços que vão surgindo nesta area… cada vez nos deixam mais surpreendidos, quando nao é pelo “aparelho” em si…é pelos teste que fazem com eles (e este está muito bom..🙂 )
    Penso que um aparelho destes poderia ser usado em qualquer lado,nao?! Mas penso que (mesmo observando o video) nao me atreveria a leva-lo para uma lavagem de automóveis….🙂
    Mas que dá jeito, ter um aparelho cada vez mais resistente,la isso dá🙂

  2. dardevelin-blogtastico Setembro 3, 2010 às 4:12 pm #

    @Ana, mais uma vez obrigado por comentar, agora fico ansioso em saber o preço desta relíquia e quanto tempo demorará a reduzir a espessura e ou tamanho …

  3. Ana Setembro 3, 2010 às 9:21 pm #

    Provavelmente mais depressa diminuirá a espessura…do que terá um preço acessível…🙂

  4. dardevelin-blogtastico Setembro 3, 2010 às 9:31 pm #

    @Ana, boas, também creio que sim, a tendencia de quase todos equipamentos é mesmo passar por um faseamento que fica ordenado da seguinte forma

    -» Grandes, pesados, aquecem, e CAROS.
    -» Mais pequenos, mais leves, aquecem menos, CAROS
    -» Grandes, mas finos, menos quentes e mais leves, MAIS CAROS AINDA
    -» Descontinuação da linha, baixa tudo o preço a pique.

  5. Ana Setembro 4, 2010 às 12:23 am #

    Penso que a tendência seja mesmo essa…é por isso que,por vezes quando queremos comprar um topo de gama…quando conseguimos a quantia suficiente…ja nao e topo de gama….entretanto saí outro para o mercado ainda melhor,as vezes no espaço de dias…

    • dardevelin Setembro 4, 2010 às 6:14 am #

      Pois é, uma grande verdade, mas há sempre aquele bichinho para comprar os últimos gadjets😀

  6. Ana Setembro 4, 2010 às 11:54 am #

    Penso que,para alem, de escolher em termos de preço (a quantia que mais se adeque ao orçamento de cada um..) o dificil,hoje em dia, é também escolher o “gadjet” em si…. Á velocidade com que aparecem novas equipamentos (ou melhorias nos ja existentes) torna se complicado na hora de escolher…. Se não se tiver uma ideia concreta sobre o que realmente queremos, facilmente somos iludidos e acabamos, por vezes, por nem realizar a melhor compra…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: